Puggina.org by Percival PugginaConservadores e Liberais

Artigos do Puggina

Voltar para listagem

A PÁSCOA E A ESPERANÇA CRISTÃ

por Percival Puggina. Artigo publicado em


 O escritor Bernard Bro transcreve em uma de suas obras o anúncio feito publicar na imprensa por um senhor que declarava haver perdido sua joia mais preciosa. Conclamava todos a saírem às calçadas para procurar por ela durante alguns minutos e pedia a quem a encontrasse que a restituísse, porque só para ele mesmo podia ter valor e utilidade. A jóia perdida era a sua esperança, sem a qual não estava conseguindo viver. Trata-se de um apelo dramático, que bem reflete a situação de quem vive sem esperança, que é uma triste forma de “se deixar morrer”.

 A maior parte das pessoas não chega a compreender o fenômeno da esperança e da desesperança em suas vidas. Na verdade, lida-se com ele mais ou menos como se se adquirisse um bilhete de loteria, condicionando, ao prêmio, algum conjunto de expectativas pessoais. Não é essa a esperança que dá sentido à vida nem é essa a esperança que se constitui em virtude cristã.

Só pode dar sentido à vida terrena algo que se situe fora dela e que se projete para além dela. Caso contrário, somos grãos de areia no deserto, despojados de qualquer significado pessoal. Se para o grão de areia tal situação não tem importância, para a vida humana com um mínimo de racionalidade ela se converte numa aflição insuportável. Não é outro o depoimento dos filósofos existencialistas e materialistas. E não era outra coisa que bradava o senhor do anúncio transcrito por Bernard Bro.

A esperança do cristão lhe vem da Ressurreição. É São Paulo quem diz que se Cristo não ressuscitou, “vã seria nossa fé”. De fato, se Cristo não ressuscitou, nossa fé estaria depositada em alguém vencido pela morte; ressuscitado, Cristo é a esperança de nossa própria ressurreição “incorruptível” - ainda com as palavras de São Paulo.

O Evangelho de Lucas relata o anúncio do anjo aos pastores: “Nasceu-vos hoje um Salvador, que é o Cristo Senhor”. Não seria descabido um anúncio semelhante na sexta-feira da Paixão: “Morreu-vos hoje um Salvador, que é o Cristo Senhor”. No mistério da Redenção, que se completa na Páscoa da Ressurreição, cumpre-se o projeto de Deus para nossa salvação. Seria uma insanidade renunciarmos à Esperança que está envolvida nesse ambicioso projeto divino por algum de nossa própria ambição, levado ao extremo de extraviar nele a única Esperança que efetivamente pode dar sentido à nossa vida.

Feliz Páscoa, leitores!

________________________________
* Percival Puggina (72), membro da Academia Rio-Grandense de Letras, é arquiteto, empresário e escritor e titular do site www.puggina.org, colunista de Zero Hora e de dezenas de jornais e sites no país. Autor de Crônicas contra o totalitarismo; Cuba, a tragédia da utopia; Pombas e Gaviões; A tomada do Brasil. integrante do grupo Pensar+.

 

Compartilhar

Comentários

Carlos Edison Fernandes Domingues .

PUGGINA Renovamos nossa esperança quando lemos o que tu escreves. Para mim a Ressurreição se completa com Pentecoste. Carlos Edison

baptista celiberto .

Uma FELIZ PÁSCOA, com muita Saúde, Paz e Amor, extensiveis aos teus familiares. Abraços de Nóra e Baptista Celiberto.

José P.Maciel .

Trata-se de Religião.Religião Católica.Católica Apostólica Romana.Diante do oportuno e excelente artigo acima,aproveito para tecer algumas considerações sobre o Catolicismo.Fé,Esperança e Caridade,as três virtudes chamadas Teologais,formam a trilogia fundamental do Catolicismo,sendo que ,segundo São Paulo,são tres,mas a maior é a Caridade.Na verdade,quase mais nada teríamos a dizer! A Fé,este amado mistério,se aplicado nesta vida terrena,quem pode viver sem Fé,em si mesmo e na própria comunicação? Só ela é necessária,foi o proprioJesus que tantas vezes,em singulares ocasiões, afirmou:-Vai em PAZ,tua Fé te salvou! E a Esperança?a vida insossa seria sem ela; a Caridade,a única que persistirá depois da morte,já foi até definida como a virtude inerente à Política(o que dizer sobre o que vivemos hoje em nosso País,fazer ironia?). Grandes são os outros dogmas:lembremos Maria,a mãe de Cristo e nossa também.Como puderam outras religiões não considerar dessa forma Maria;ora,uma MÂE,UMA MÃE! uma pessoa de nossa Natureza Rainha no Céu!Grande honra para nós!Frizemos que a Comunhão dos Santos é grandiosa mesmo! A união dos humanos aqui e acolá! A Ressurreição,garantia de vida futura,com nossos queridos familiares,amigos,irmãos em humanidade! Que alegria! A Religião progride.evolui,mas os dogmas são perenes. Hoje em dia,a propria Ciência aproxima-se da Religião.Com base na Física Moderna Quântica,muitos prevem possível união,mas isto é impossível.Religião é Religião,Ciência é Ciência,amigas mas independentes.Cada qual em seu ramo.Diga-se o mesmo entre Religião e Filosofia.Verdade que a Ciência, cada vez mais ,diante do Universo ,mais misteriosa se torna,adotando na Qûantica o"Princípio da Incerteza". Colaboração para a nossa PÁSCOA.

Leonardo Melanino .

22 de março é a data da Páscoa mais precoce e 25 de abril a da mais tardia. 22 de março de 1818 foi a Páscoa mais precoce da História da Humanidade e 25 de abril de 1943 a mais tardia. 22 de março de 2285 será a próxima depois da de 1818 e 25 de abril de 2038 será a próxima depois da de 1943. Estas Páscoas são as mais raras da História da Humanidade.

Áureo Ramos de Souza .

QUE DEUS O ABENÇOE PERCIVAL POR ESTAS BELAS FRASES. AGORA A CENA QUE VI ONTEM AO SAIR DE CASA FOI DE TIRAR TODAS ESSAS LINDAS FRASE, EM FRENTE DA CASA DE UM AMIGO ESTAVAM UMAS VINTE PESSOA SENTADAS COM GARRAFAS DE VINHO VINHO CERVEJA E CANA E ESCUTANDO ESSAS MUSICAS ATUAIS. QUANDO ME LEMBRO QUE EM MINHA INFANCIA NÃO SE VARRIA CASA, NÃO SE COSTURAVA E AINDA COLOCAVA UM PANO PRETO EM CIMA DAS IMAGENS E DAS PESSOAS NOSSAS MORTAS, O RÁDIO SÓ TOCAVA MUSICA CLÁSSICA E NEM SE OUVIA PASSAR AVIÃO. A ESPERANÇA SE ENCONTRA EM TUDO QUE LI E QUE VOC~E DESCREVE.. FIQUE COM DEUS.

Ismael de Oliveira Façanha .

A Esperança está toda na ESCATOLOGIA, que coloca a salvação da Humanidade no reino vindouro, no segundo advento, no retorno triunfante de Cristo, no final dos tempos, para presidir o último Juízo e instaurar uma existência Mundial edênica. 1 Coríntios 6:9-11: Não sabeis que os injustos não herdarão o Reino de Deus? Não vos deixem enganar: nem imorais, nem idólatras, nem adúlteros, nem os que se entregam a práticas homossexuais de qualquer espécie, … Isaías 65:25: "O lobo e o cordeiro se alimentarão juntos, e o leão comerá feno, do mesmo modo que os bovinos se alimentam, mas pó será a comida da serpente! Ninguém fará o mal, tampouco praticará qualquer tipo de ação destrutiva em todo o meu santo monte!” Palavra do SENHOR." Até lá, o ESPÍRITO SANTO nos guiará, de forma pessoal e direta, sem vigairaria, sem intercessores, vivos ou mortos. Sobretudo sem estruturas socialistas, marxistas ou sugeridas pela Teologia da Libertação.

luiz salles .

Feliz Páscoa !

Victor Hugo Carrão .

Feliz Páscoa para você e sua FAMÍLIA prezado Puggina! Alegria e Paz!! Abraços!

Genaro Faria .

Que assim seja para você e sua família, prezado Puggina, esta celebração do sagrado revelado por Aquele que é a imagem divina do homem refletida na imagem humana de Deus: imago dei. E que essa divina esperança se renove na fé dos milhões de nossos compatriotas, conscientes de que a passagem da escravidão para a liberdade implica a vigília permanente contra o mal que nos espreita para nos surpreender num momento de fraqueza. Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo.

Odilon Rocha .

Uma feliz Páscoa, também, caro Professor!
1/1
DEIXE SEU COMENTÁRIO

Artigos do Puggina