Puggina.org by Percival PugginaConservadores e Liberais

Artigos do Puggina

Voltar para listagem

CUNHA, O ORGASMO PETISTA

por Percival Puggina. Artigo publicado em

Ser petista ficou dureza. Imagina o sujeito que passou a vida exaltando as elevadas qualidades morais e o discernimento com que o PT oposicionista apontava soluções para os problemas do país. Sonhava com o PT no poder. Nas tendas e barracas em que o PT vendia adesivos, distintivos, camisetas do Che e bandeirinhas de Cuba, o cara tinha conta em caderno. Pagava por mês e ainda contribuía para o caixinha do partido. Era fã do Zé, do Genoíno, da Marta. Entrava em surto cívico até nos discursos do Suplicy. Tinha foto com o Lula na parede da sala, adesivo com estrela no carro e bandeirinha vermelha tremulante na janela. A vida era cheia de certezas. Numa delas, o PT salvaria o Brasil de si mesmo porque o partido tinha aquele caráter que parecia faltar ao eleitor brasileiro, esse vendilhão de votos em troca de favores. O PT seria o fim da estrada para a política do "é dando que se recebe". E, sobre tudo, havia o Lula, o metalúrgico pobretão, apto a mudar o mundo com um megafone.

 Lula dizia, o PT repetia e a vida confirmava: do outro lado da cena política atuava um bando de patifes. Contados um a um pelo próprio líder maior, eram mais de 300. Entre eles, o Collor, o Renan, o Maluf, o Sarney, o Barbalho, o Quércia. Santo Deus! Que bênção seria livrar o Brasil do poder dessa gente. E isso só o PT poderia fazer porque só o PT tinha a força moral necessária.

 Durante os muitos anos em que fui filiado ao PP, os petistas com os quais participava de debates tentavam colocar na minha conta o fato de ser, este, "o partido do Maluf". E eu me obrigava a dizer que o Maluf jamais pisara na soleira da sede do partido no Rio Grande do Sul, porque sabia não ser, aqui, benquisto nem bem-vindo. Até que um dia, Lula - quem poderia antever? - abraçou-se com Maluf, o procurado pela Interpol, nos jardins de sua mansão. E sorria, sorria muito o Lula, num sorriso deslavado e encardido. De um ou de outro modo, em diferentes cenários e agendas, o mesmo aconteceu com todos aqueles que, nos tempos de oposição, provocavam arrepios éticos na fina sensibilidade dos petistas.

Passaram-se 13 anos. Dezenas foram condenados, presos e estão sendo processados. Bilhões de reais escoaram para bem enxaguadas contas. Escabrosas histórias envolvendo o partido, seus agentes e parceiros são contadas mundo afora. Sob o governo petista, o país enfrenta um pacote de crises endógenas, todas de produção própria, caseira. Na contramão de uma conjuntura internacional favorável (a economia mundial crescerá 3%), o Brasil é assolado por inflação, recessão, desemprego, descrédito e o PIB cairá 2%. Apenas 7,7% dos brasileiros aprovam o governo. Mas o PT vive dias de muita comemoração. Afinal, o arqui-inimigo Eduardo Cunha, presidente da Câmara dos Deputados, foi acusado de ser pilantra sem que ninguém se surpreendesse. A alegria petista diante desse fato, faz lembrar o Tavares, o canalha rodriguiano, criado por Chico Anysio: "Sou, mas quem não é?".

* Percival Puggina (70), membro da Academia Rio-Grandense de Letras, é arquiteto, empresário e escritor e titular do site www.puggina.org, colunista de Zero Hora e de dezenas de jornais e sites no país, autor de Crônicas contra o totalitarismo; Cuba, a tragédia da utopia e Pombas e Gaviões, integrante do grupo Pensar+.

 

Compartilhar

Comentários

Adriano Schmidt .

Prezados, Solicito que ajudem a divulgar uma lista de apoio a projeto de lei do MPF, 10 medidas contra a corrupção. Não dá para assinar eletronicamente, tem que imprimir. Depois de preenchida, a folha deve ser entregue ao MPF de sua cidade, ou encaminhada pelo correio para o mais próximo. O site para imprimir e: http://www.combateacorrupcao.mpf.mp.br/10-medidas/docs/medidas-anticorrupcao-1.pdf Obrigado Chega de roubalheira. Nossa bandeira jamais será vermelha Adriano

Luiz Felipe Salomão .

Caro Professor Puggina, em complemento ao que os ilustres participantes deste blog afirmam, podemos complementar também afirmando que a execração dos PeTrahas já se iniciou em 15 de Março e que os próximos passos serão: o impeachment da PresidanTa; a cassação do registro dos partidos ligados ao Foro de São Paulo; e, a completa execração dos comunantas de toda a vida política brasileira. A república é corrupta por natureza e não faz, nem nunca fez, parte dos verdadeiros anseios da população brasileira. Um abraço!

José P.Maciel .

A problemática política brasileira é tão grande,as soluções tão complexas,que frequentemente ficamos pessimistas,com tantas cabeças pensantes e livres a nos criar confusões ,achando que moram na verdade.Liberdade de pensamento,liberdade,liberdades!! Nessa mescla heterogênea de idéias e teorias,e como hoje meu cérebro saturou,lanço apenas uma ídéia,que,na mídia, até agora só vi e ouvi o Sr.Roberto Freire lançar e defender:-Que venha o Parlamentarismo,o melhor sistema,já que a reforma política feita foi uma idiotice! O Parlamentárismo seria sim uma solução oportuna para iniciarmos uma nova fase política,seria uma grande lufada de oxigêncio naquele Congresso plantado na pestilenta capital, sonhada por um mégalo chamadoJuscelino. Por quê não surgem mais Robertos Freire,nesta boa ocasião? Quem sabe,pegaria,pois eles andam sem saber o que fazer1

Sérgio Alcântara, Canguçu RS .

Mas de que modismo será que nos fala o senhor Francisco? Será a "onda de conservadorismo" que atualmente apavora os "politicamente corretos" cidadãos forjados na ação da "Pátria Educadora"? E o "massacre", o que é? Será a revelação das proezas praticadas pelos "agentes da transformação", que para que os "pobres e pretos" possam andar de avião, entre outras "conquistas", usam táticas imagináveis e inimagináveis? Ah, quanto à "amplitude" do horizonte oferecido pelo petismo, ela está muito bem materializada na "qualidade" e na "imparcialidade" da ação pedagógica atualmente praticada em nossas escolas, inspirada sobretudo no (este sim) mito chamado Paulo Freire.

Gustavo Pereira dos Santos .

Prezado Sergio Alcântara, o Novo chegou para ficar. Apenas conservadores e liberais. Vamos nessa. https://pt-br.facebook.com/partidonovo Um abraço, Gustavo.

Genaro Faria .

Francisco . 23.07.2015 - Eu não sabia que também bebi na fonte da eterna juventude, caríssimo Puggina. Nem que vivia no Eldorado. Acho que vou procurar o diretório mais próximo de minha casa para me filiar ao PT. Quem sabe eu também ganhe de brinde um par de lentes cor de rosa do Dr. Pangloss. E uma imagem de Lula, em porcelana com detalhes de madrepérola, para eu adorar de joelhos enquanto rezo o Pai Nossa e a Ave Maria que o diácono Betto nos ensinou: PAI NOSSO Pai-nosso que estais no céu, e sois nossa Mãe na Terra, amorosa orgia trinitária, criador da aurora boreal e dos olhos enamorados que enternecem o coração, Senhor avesso ao moralismo desvirtuado e guia da trilha peregrina das formigas do meu jardim, Santificado seja o vosso nome gravado nos girassóis de imensos olhos de ouro, no enlaço do abraço e no sorriso cúmplice, nas partículas elementares e na candura da avó ao servir sopa, Venha a nós o vosso Reino para saciar-nos a fome de beleza e semear partilha onde há acúmulo, alegria onde irrompeu a dor, gosto de festa onde campeia desolação, Seja feita a vossa vontade nas sendas desgovernadas de nossos passos, nos rios profundos de nossas intuições, no voo suave das garças e no beijo voraz dos amantes, na respiração ofegante dos aflitos e na fúria dos ventos subvertidos em furacões, Assim na Terra como no céu, e também no âmago da matéria escura e na garganta abissal dos buracos negros, no grito inaudível da mulher aguilhoada e no próximo encarado como dessemelhante, nos arsenais da hipocrisia e nos cárceres que congelam vidas. O pão nosso de cada dia nos dai hoje, e também o vinho inebriante da mística alucinada, a coragem de dizer não ao próprio ego, o domínio vagabundo do tempo, o cuidado dos deserdados e o destemor dos profetas, Perdoai as nossas ofensas e dívidas, a altivez da razão e a acidez da língua, a cobiça desmesurada e a máscara a encobrir-nos a identidade, a indiferença ofensiva e a reverencial bajulação, a cegueira perante o horizonte despido de futuro e a inércia que nos impede fazê-lo melhor, Assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido e aos nossos devedores, aos que nos esgarçam o orgulho e imprimem inveja em nossa tristeza de não possuir o bem alheio, e a quem, alheio à nossa suposta importância, fecha-se à inconveniente intromissão, E não nos deixeis cair em tentação frente ao porte suntuoso dos tigres de nossas cavernas interiores, às serpentes atentas às nossas indecisões, aos abutres predadores da ética, Mas livrai-nos do mal, do desalento, da desesperança, do ego inflado e da vanglória insensata, da dessolidariedade e da flacidez do caráter, da noite desenluada de sonhos e da obesidade de convicções inconsúteis, Amemos. AVE MARIA Ave Maria latino-americana Ave Maria, grávida das aspirações de nossos pobres, o Senhor é convosco, bendita sois vós entre os oprimidos, benditos os frutos de libertação do vosso ventre. Santa Maria, mãe latino-americana, rogai por nós para que confiemos no Espírito de Deus, agora que o nosso povo assume a luta por justiça e na hora de realizá-la em liberdade, para um tempo de paz. Amém! Senhor, tenha piedade de nós. Até que eu poderia rezar mais, muito mais, "porém seria perda de tempo". Nós que bebemos da água daquela fonte estamos condenados à eterna juventude. Que tragédia!

Gustavo Pereira dos Santos .

O analfabeto político esquerdopata é cotista de faculdade responsavel pelo 80º IDH, posição honrosa onde o PT colocou o País do Futuro.

Gustavo Pereira dos Santos .

Temos um esquerdopata a bordo. um dos 7,7 % qua apoia o pior governo de todos os tempos. Ninguém sai da pobreza por benesses de governos, ô mongoloide. A grande maioria dos citados 40 milhões querem o impeachment da ANTA e que o PT se exploda.

Sérgio Alcântara, Canguçu RS .

O simples impeachment da presidenta, seguido até mesmo por uma derrota acachapante do PT em 2018, pouco servirá se, ao mesmo tempo, não for efetivamente construída uma proposta alternativa para o Brasil, através de uma profunda revitalização da direita no país. Como muito bem foi dito pelo nosso mestre Puggina, não faltam partidos e candidatos dispostos a seguir a agenda de "transformação", da qual o PT teria-se "desviado", para transformar-se em um "partido de direita", associando-se ao "neo-liberalismo" e/ou às práticas de corrupção "inerentes" à direita. E é exatamente este o quadro que começa-se pintar e será oferecido ao eleitor nas próximas eleições, se algo de concreto e significativo não for feito. O ativismo através das redes sociais e das expressivas manifestações nas ruas tem sido de vital importância na construção desta inadiável proposta, mas não será o bastante, se lideranças verdadeiramente de oposição não surgirem e não agirem vigorosamente no âmbito das instituições do Estado, especialmente no Congresso Nacional.

Francisco .

Esse artigo parece de um adolescente que le tudo o que ve pela frente e depois pondera. Certamente o senhor deve ter uns dezesseis ou dezessete anos de idade e certamente nunca saiu do labirinto dos arranha-céus que impede que se veja o horizonte. Esse partido que massacram é o mesmo que construiu novas universidades e inúmeras expansões dessas. Só Institutos federais temos mais de 400 . Hoje temos pobre e preto em universidade pública, e talvez para o senhor adolescente não importe os quase 40 milhões que sairam da miséria neste país. Poderia falar mais, muito mais, porém seria perda de tempo, não alcançamos ainda maturidade política e somos seguidores do modismo.

Dudu .

Prof. Puggina, sempre irretocável nos seus textos. A verdade é que esse era o mantra do PT antes do poder. E isso me faz lembrar um comentário que li, numa seção de cartas do antigo OESP, onde um rapaz dizia que, segundo seu pai, a chegado do PT ao poder significaria apenas que teríamos que engordar os ratos magros do partido. E, diga-se de passagem, que apetite o desses ratos, não??

Odilon Rocha .

Caro Professor Reação assim, de petista, só depõe contra. Nessa altura do campeonato - praticamente perdido, questão de tempo - quem ainda solta essas bravatas como 'vingançazinha' é tão sujo quanto. Essa gente não entende que quem tem moral torce para que qualquer jogador, desde que envolvido e provado, seja punido exemplarmente. Seja de que time for! Usei os termos acima porque são idênticos a torcedores fanáticos. Bando de tolos, infantis e sem noção!

Genaro Faria .

Esses deslumbrados aos quais o texto aludiu já caíram para 7,7%, pela pesquisa CNT/Ibope. Dentro da margem de errro, podem ser apenas 5,7%, quase empatando com a turma do "não souberem responder". Enquanto isso, o vice Michel Temer foi aos Estados Unidos. Foi apresentar suas credenciais a políticos e empresários, em um cenário preparado para o início de mandato antes do velório do atual despachar para a campa o partido das algemas e tornozeleiras. E agosto ainda nem chegou. ..

André Carvalho .

Eduardo Cunha já não teria chance alguma numa eleição para presidente sem seus problemas - é aquele tipo de candidato que tem mais rejeição do que voto, por mais que os tenha. E agora, com o MP no seu calcanhar, menos ainda. Seu faro político falhou ao propalar que não aceitaria denúncia contra Dilma. Neste momento, o impeachment seria sua salvação, desviaria todos os olhares para o Planalto. Só que, depois de suas desastradas declarações de rompimento, tudo o que fizer contra o governo terá cheiro de revanche. E, com isso, o descrédito. Acho que a Oposição começou a perder a guerra para afastar Dilma.

paulo de carvalho filho .

Se o PMDB pretende concorrer com um candidato próprio em 2018 como já foi dito por algumas lideranças, no momento o único provável candidato do partido que poderá ter alguma chance de conquistar grande parte dos votos é o Eduardo Cunha, pelo que já vem mostrando como presidente da Câmara, e a sua aceitação pelo eleitorado nacional dependerá do que ele fará de fato, no decorrer dos próximos meses, contra o governo petista, incluindo o impeachment da presidanta, e quanto mais os petralhas baterem no Cunha, melhor será para ele, devido a alta rejeição à Dilma e à seu governo calamitoso, e o PMDB teria uma enorme oportunidade de aproveitar o momento, ou pelo impeachment, ou pela ruptura com o governo pensando em 2018, de conquistar a presidência. Mas, como o PT e o PMDB são os principais parceiros neste governo atual, tudo pode ser "jogada ensaiada", e como o PT sabe que não elegeria um presidente sem que houvesse fraude, e nem possuem um candidato para a próxima eleição, concordaram em fazer a tal alternância de poder com o PMDB, e já estão fabricando o possível candidato, o Cunha, que derrotaria os demais incluindo o candidato petista, e iria disputar contra o Aécio num segundo turno, e receberia agora um apoio discreto do PT mas total de todo o aparato do partido, sindicatos, ONGs, etc. Como diria o filósofo Caetano Veloso, pode ser isso, ou não!
1/2
DEIXE SEU COMENTÁRIO

Artigos do Puggina