Puggina.org by Percival PugginaConservadores e Liberais

Artigos do Puggina

Voltar para listagem

FALEMOS, ENTÃO, DE CRISTOFOBIA

por Percival Puggina. Artigo publicado em

 

 Se você quiser conhecer a extensão geográfica e a pluralidade dos ambientes culturais e políticos em que a cristofobia se manifesta como causa da perseguição religiosa, aceite meu convite e faça uma visita ao site Portas Abertas. Ali, baixe o e-book da Lista Mundial da Perseguição, com relatórios individualizados sobre os 50 países em que 260 milhões de cristãos padecem em virtude de sua fé. Neles, por diversos motivos, os cristãos:

• não têm seus direitos de liberdade religiosa garantidos;
• a conversão ao cristianismo é proibida por conta de ameaças vindas do governo ou de grupos extremistas;
• são forçados a deixar suas casas ou empregos por medo da violência que pode alcançá-los;
• são agredidos fisicamente ou até mesmo mortos por causa de sua fé;
• são presos, interrogados e, por diversas vezes, torturados por se recusarem a negar a Jesus.

Leia o relatório. Agora pense no presidente do Brasil falando, à Assembleia Geral da ONU. Assistiam-no chefes de Estado e chanceleres de todas as nações, inclusive das 50 que cometem ou convivem com tais abusos e crimes. Deveria ele unir-se ao cúmplice coro do silêncio? Não. O presidente do país com a maior população católica do mundo fez um “apelo à comunidade internacional por liberdade religiosa e combate à cristofobia”.

Pra quê! Enfileiraram-se os críticos, habituais defensores de direitos humanos dos companheiros, a apontar inconveniências na frase. Tiram de letra 260 milhões de vítimas de perseguição religiosa. Fico pensando: qual é o problema desse pessoal? De novo: qual é o problema desse pessoal? Bem, o problema é real e, também no Brasil, embora com consequências até aqui menos dramáticas, existe cristofobia. Ela seria ridícula, se não fosse raivosa. Poderia ser vista apenas como raivosa se não adviesse de grupos políticos, de círculos jurídicos, ou de mídia importante e militante. Nesse caso, se torna assustadora e quem for cristão que se cuide.

No Brasil, a cristofobia se expressa, também, na aversão de muitos a símbolos religiosos cristãos. Considera discriminatória a presença do símbolo, quando discriminador e preconceituoso é quem posa de ofendido por ele. Ou não? Mais evidente ainda a psicopatia quando pensamos nos muitos usos do cinema, teatro, exposições artísticas e performances repulsivas para atacar a fé cristã – sempre a ela! – com indiscutíveis e absolvidos crimes de vilipêndio religioso.

Os adversários dos símbolos cristãos focam, lá na frente, os princípios, os valores e as tradições que lhes são implícitos. Muitos, como os relacionados à defesa da vida, à dignidade e aos direitos humanos, às liberdades, à família, compõem convicções constitucionalizadas no Brasil. É contra esse alvo que o ateísmo militante, nutrido a cristofobia, declara guerra e rufa tambores. Não age por amor à Constituição, mas por repulsa ao perfume cristão que ela legitimamente ainda consegue exalar, aqui ou ali, a contragosto do STF.

Impossível negar o que afirmo, sabem por quê? Até hoje não encontrei nenhum paciente de cristofobia que explicite as mesmas aversões a quaisquer outras culturas ou religiões. Sua luta é contra as raízes judaico-cristãs do Ocidente.

_______________________________
* Percival Puggina (75), membro da Academia Rio-Grandense de Letras e Cidadão de Porto Alegre, é arquiteto, empresário, escritor e titular do site Conservadores e Liberais (Puggina.org); colunista de dezenas de jornais e sites no país. Autor de Crônicas contra o totalitarismo; Cuba, a tragédia da utopia; Pombas e Gaviões; A Tomada do Brasil pelos maus brasileiros. Membro da ADCE; Integrante do grupo Pensar+.


 

Compartilhar

Comentários

Carlo Germani .

Prezado Puggina! como sempre direto ao ponto.Como adendo,é oportuno denunciar que a consolidação da insana e satânica Nova Ordem Mundial (governo único ditatorial e totalitário mundial) ,está fundamentada nas epístolas do satânico Bahá'U'lhá no seu livro "Quitáb-I-Aqdas" (O livro mais sagrado). PS-E a falácia de agregar todas as religiões (e como única a Fé Bahái).PS2-O comunista Papa Francisco está comprometido com toda essa tragédia até a medula.

Heitor De Paola .

Caro Puggina, como sempre, na mosca! Mas não escrevo para elogiar, mas para chamar a atenção para um ponto: por que usar Cristofobia? Essas falsas "fobias" foram inventadas exatamente pelos inimigos e creio que não devamos entrar na briga usando as armas escolhidas pelo inimigo e sim as nossas. Como ex psiquiatra e psicanalista posso afirmar que fobia é um termo psiquiátrico que está sendo usado maldosamente. Começou com homofobia e logo se espalhou como outras "fobias", principalmente islamofobia. A pessoa que sofre de verdadeiras fobias não sabe porque é fóbica, pois o verdadeiro significado é inconsciente. Nós tememos o Islam porque eles matam e eles matam Cristãos porque assim é dito para fazerem no Corão. Não há fobia alguma! Jogando com as cartas do inimigo chegaremos a um ponto em que que, tá bom, "somos todos fóbicos". Digamos NÃO, vamos jogar com nosso baralho, cujas cartas tem "genocídio de Cristãos", "assassinatos de Cristãos", morticínio de Cristãos", etc. Desculpe se me alonguei muito!

AbrahãoFinkelstein .

A atitude vergonhosa do papa que não faz um gesto em defesa dos milhões de católicos maltratados, humilhados e supliciados o tornam indigno de ocupar a posição de que está investido graças à um erro histórico que foi a sua escolha para o papado.

SILVANA DE FÁTIMA JUNQUEIRA KRONBAUER .

Parabéns pelo texto, bastante elucidativo, para quem quer entender !

Jean Castro .

Viva Percival Puggina! Viva Alexandre Garcia, Luiz Ernesto Lacombe, e Caio Coppolla.

Rubens Mazzini .

No entanto, quando terrorista Dilma Roussef condenava a islamofobia os mesmos que hoje criticam Bolsonaro acharam muito bonitinho e não fizeram nenhuma crítica. A hipocrisia é o único pecado que nem Jesus perdoava.

Ursula .

Gosto muito dos teus comentários. É a linha que também admiro muito do Alexandre Garcia . MENTES ILUMINADAS !!!

Elane Mello Moreira .

Jesus Cristo, por ser DEUS humanado, afirma que o seu Evangelho é a PALAVRA DE DEUS transmitida, fielmente, a toda a humanidade, criação de DEUS. O DEUS PAI nos afirma que não há salvação para aquele que não crê no seu Filho Unigênito ( Jesus Cristo ). A PALAVRA DE DEUS sempre cumprirá a missão a que foi enviada Isaias 55-11 ".....assim será a Palavra que sair da minha boca: ela não voltará para mim vazia, antes fará o que me apraz, e prosperará naquilo para que a enviei". CREIAMOS, TODOS, NA PALAVRA DE DEUS.

FERNANDO A O PRIETO .

Claro que os cristãos são perseguidos, em alguns países, e ridicularizados em outros. As "autoridades" civis e os "líderes" religiosos, na grande maioria das vezes, se omitem totalmente de defendê-los, ou por COVARDIA, ou por COMODISMO, ou pela tentativa de agradar a TODOS (coisa que, aliás, é impossível...). Mesmo os que não são cristãos deveriam saber que nossos valore são, basicamente , judaico/cristãos , e que, se eles caíssem de vez, a civilização como a conhecemos ruiria...Lutemos contra essa tendência. Deus perdoe e ilumine esses "líderes" omissos, que não são pastores, mas políticos travestidos de pastores!

Ana Carla Matos .

Professor que texto incrível ????. Que Deus te abençoe ??

Ednesio Azevedo da Silva .

Sr Percival, só não enxerga a realidade contextualizada e apresentada no discurso do presidente, quem não quer ou finge. A perseguição aos cristãos no mundo é real e está patente a todos os olhos; todavia, é ignorada pela corja do politicamente correto - o mal que assola a liberdade de todos que se opõem a sua agenda desprovida de amor. Parabéns pela matéria, ilustre e nobre Percival Puggina!
1/1
DEIXE SEU COMENTÁRIO

Artigos do Puggina