Puggina.org by Percival PugginaConservadores e Liberais

Artigos do Puggina

Voltar para listagem

QUEM É A MULHER DO ANO?

por Percival Puggina. Artigo publicado em

 

 Eu sei que os títulos de mulher do ano costumam ser concedidos para celebridades do meio artístico, dos palcos, das câmeras e das passarelas. Isso tem muito a ver com a superficialidade das relações sociais, vulgarmente incapazes de avançar um milímetro sequer sobre as aparências. Ao afirmá-lo, não estou emitindo juízo de valor sobre quem quer que seja.

Já quando olhamos ao nosso redor, provavelmente todos temos a quem outorgar esse destaque. Num círculo mais estreito de relações, onde conhecimentos e sentimentos são mais profundos, quase sempre há alguém que é, a um só tempo, rainha, deusa, leoa, obreira infatigável de incontáveis tarefas, pessoa de vontades contidas e interesses postergados, primeira e espontânea oferta no altar dos sacrifícios. Meu louvor, meu apaixonado louvor à essa multidão anônima de mulheres do ano!

Ao pesquisar no Google sobre a mulher do ano de 2017, vejo tantas referências à cantora Anitta, que não posso deixar de dizer: tal escolha constrange a nação. É sintoma de que o torneado do corpo se impõe ao torneado da alma, e que as formas obscurecem a beleza e a nobreza das virtudes.

Neste ano de 2017, ninguém se ergueu acima de Heley de Abreu Silva Batista! Foi ela que entrou em luta corporal com um louco incendiário. Foi ela que retirou 25 crianças de uma creche em chamas, salvando-as de morrerem no trágico acontecimento do dia 5 de outubro em Janaúba MG. Horas depois, não resistindo às queimaduras, Heley morreu.

Em João 15:13, numa alusão ao que viria a acontecer consigo mesmo, Jesus diz: "Ninguém tem maior amor do que aquele que dá a vida pelos seus amigos". Amor supremo, cuja imposição vem do coração e chega à superação dos mais naturais instintos humanos. Quando enunciou o mandamento do amor, Jesus disse que devemos amar o próximo "como" (tanto quanto) a nós mesmos. Ele não nos exige o que Ele fez. Ele não pediu a Heley o que Heley realizou. Ela agiu voluntariamente. Amor ao próximo além do amor próprio é altruísmo, virtude das almas mais nobres, dos santos, dos heróis, dos que se erguem à reverência de todos nos altares, nos monumentos e nas páginas da História.

Por isso, quando a agenda de 2017 começa a buscar na prateleira seu lugar ao lado das precedentes, eu me uno aos que escolhem Heley de Abreu Silva Batista e digo: Professora, este ano não tem para mais ninguém! Dê um abraço em Jesus por mim.

________________________________
* Percival Puggina (72), membro da Academia Rio-Grandense de Letras, é arquiteto, empresário e escritor e titular do site www.puggina.org, colunista de dezenas de jornais e sites no país. Autor de Crônicas contra o totalitarismo; Cuba, a tragédia da utopia; Pombas e Gaviões; A tomada do Brasil. integrante do grupo Pensar+.

 

Compartilhar

Comentários

Genaro Faria .

Em tempos de psicopatas e psicóticos promovidos a celebridades nacionais juntamente com as figuras folclóricas e espertalhões que sempre pontificaram como "pessoas públicas" do tropical mundo político tupiniquim, seria apropriado fazer dois concursos distintos: um com jurados da grande mídia, artistas e acadêmicos e outro com a banca composta por pessoas de senso comum. Não é justo submeter a professora Heley de Abreu Silva Batista ao crivo dos desmiolados da desconstrução cultural que dominam o cenário montado pelos comunistas de diversos tons de vermelho desde a chegada de Fernando Henrique Cardoso ao poder.

Rafael .

Se a questão é representatividade, Anitta simboliza muito bem o nível de degradação cultural que assola o país. Creio que a professora Heley não deve mesmo ser cogitada para tal escolha. Ela estará sempre muito acima dessas futilidades midiáticas e passageiras. Não faltarão oportunidades para que o povo faça as justas homenagens à heroína mineira.

Luiz InacioMedeiros .

Mais uma vez o caro Puggina acertou na mosca. Voto com ele. O que esta professora fez alem de ser de uma generosidade enorme, arrepia as pessoas que tem sensibilidade. Admirável ! E diga-se o Presidente concedeu medalha de mérito .

Vicente .

Se realmente essa aprendiz de cantora, for considerada a mulher do ano, estaremos diante de jogar no lixo todos os valores daquelas que lutam por uma sociedade melhor, dias melhores para seus filhos e povo brasileiro, através de seus sofrimentos diários, entregando-se aos valores mais nobres de nossas vidas que é o amor ao próximo, mesmo vivendo em condições ermas de recursos , mas sempre praticando o bem. Madre de Calcutá, deve estar se contorcendo de tanta indignação.

Júlio César Gomes da Silva .

Puggina, simplesmente emocionante e sublime o seu artigo. Heley de Abreu Silva Batista está na "Comunhão dos Santos" e de lá será protetora de inúmeras crianças. Um abraço

Eduardo .

Professora Heley, mas incrível não vi nenhum sindicato de professores engrossar o coro por um professor, por que será, o partido não mandou?!. Parabéns professor, ótimo texto.

Odilon Rocha .

Resposta: a Professora Heley da Abreu Silva Batista. Um exemplo raro.

Ismael de Oliveiira Façanha .

Gosto da Anitta mas, vamos e venhamos, ela não tem envergadura cívica ou espiritual para ser "mulher do ano" considerando o que fez Heley Batista, que nem sequer uma medalhinha recebeu. O ALTAR DA PÁTRIA, OUTRORA TÃO VENERADO, AGORA JAZ NUM TEMPLO EM RUÍNAS, INVADIDO POR ERVAS DANINHAS. Não estou nostálgico a invocar o passado; estou denunciando um PROCESSO DE DECADÊNCIA extremamente perigoso!

FERNANDO A O PRIETO .

Tristes tempos, em que nulidades, superficialidades e irrelevâncias ganham tanto destaque, e não se dá valor a quem estuda e trabalha duro, com disciplina, cumprimento estrito de horários e obediência a compromissos assumidos, postura de respeito próprio e aos outros quanto ao traje e à linguagem, entre outros! Estes "famosos" que pensam que podem fazer todos os outros esperarem por eles e se acham importantes e "modelos" de comportamento são piores que os totalmente ignorantes, pois não têm noção da própria ignorância... Imaginam ser guias, mas "são cegos condutores de cegos"... Ao menos, que as pessoas que valorizam quem realmente merece deixem clara sua desaprovação por comportamentos deletérios, não se deixando abater por considerações "politicamente corretas", idiotice tão em moda em nossos dias...

Mauricio Moraes de Azevedo .

Puggina, Meu emocionado parabpens e abraço pelo artigo sobre a MULHER DO ANO. A Heley merece nosso voto. Obrigado pelos teus artigos que leio semanalmento Mauricio

Leandro Lima .

Esee é o resultado de três décadas de governos marxistas imbecilizando o povo brasileiro levando a opinião pública a uma moldagem única onde todos sejam meros bois levados pelo sistema ideológico que é jogado contra tudo que é decente,correto e verdadeiro no meio da sociedade.

Jonny Hawke .

Professor , a revista GQ que elegeu ela é "conhecida" por puxar os "saco das celebridades em alta", mas pode ter certeza que isso não é de graça, a muito dinheiro envolvido no meio. A maioria das pessoas que converso não sabe o que Heley de Abreu Silva Batista fez e são pessoas que se dizem cultas e informadas mas só olham "Jornal Nacional" como referência de notícias. A Internet só serve para Facebook e Xvideos! Sinceramente acho difícil um populista não ganhar ano que vem, porque nosso povo é fascinado por tudo que é figura Pop.
1/1
DEIXE SEU COMENTÁRIO

Artigos do Puggina