Puggina.org by Percival PugginaConservadores e Liberais

DATAFOLHA ADMITE: BOLSONARO TEM 33% DE ÓTIMO E BOM

por Percival Puggina. Artigo publicado em


Leio no site da Veja, em transcrição da Folha de São Paulo.


A pesquisa do Datafolha realizada e divulgada em 27 de abril aponta que Bolsonaro tem 33% de ótimo/bom e 38% de ruim/péssimo. Collor e Dilma sofreram impeachment quando tinham entre 10 e 15% de ótimo/bom e mais de 65% de ruim/péssimo. Isso indica que o impeachment é politicamente inviável sem um apoio quase unânime da opinião pública, que acaba se refletindo em avaliação muito negativa do presidente.

COMENTO

 Se a Folha admite isso, pode-se aplicar um índice de retificação que não precisa, necessariamente, ser proporcional ao que determinou, durante o período eleitoral de 2018, que nos cenários de segundo turno, a pesquisa Datafolha mostrasse Bolsonaro perdendo para todos os demais candidatos. O trecho acima transcrito da coluna da Veja (coluna de Alberto Carlos Almeida) está em (1), ao pé deste comentário.

 O leitor certamente percebeu que o texto como está publicado na revista tem problemas de redação. Não adianta tentar entender porque não dá para entender. O que importa, porém, são os números que a pesquisa revela. E ela revela Bolsonaro com uma posição firme junto à opinião pública, apesar de todo o esforço feito para transformar a saída de Moro num velório político do presidente.

 Parece que não deu muito certo, tanto assim que aliviaram a dedicação a esse assunto e se agarraram no atestado que negativou Bolsonaro para o Covid-19. Na falta do que atacar, até um lenço no nariz se torna suspeitíssimo e vira matéria de ação judicial...
 

(1) https://veja.abril.com.br/blog/alberto-carlos-almeida/pesquisa-do-datafolha-apos-saida-de-sergio-moro-bolsonaro-se-mantem-forte/