Puggina.org by Percival PugginaConservadores e Liberais

POLÍCIA CASTRISTA INVADE RESIDÊNCIA DE JORNALISTA DE CUBA.NET E O LEVA PRESO

por Matéria de CubaNet. Artigo publicado em

 

Terça-feira, 9 de abril de 2019 | CubaNet

MIAMI, Estados Unidos. - Nas primeiras horas da manhã de hoje, agentes da Segurança do Estado invadiram a casa do jornalista CubaNet, Augusto Cesar San Martin, e levaram para a estação de Zanja em Havana.

Conforme relatado por sua família, os agentes chegaram à casa no Centro de Habana entre 7 e 8 horas da manhã.

Eram dois agentes da segurança do Estado, dois oficiais da Polícia Nacional Revolucionária (PNR), dois vizinhos como testemunhas, uma oficial de imigração, dois trabalhadores de telecomunicações e uma tenente do Ministério do Interior .

“Eles saíram às 10h45min da manhã. Junto com Augusto César levaram computador, câmera, papéis, tudo ... Estamos muito preocupados, ele está com pressão muito alta e tememos por sua saúde", informaram os familiares.

San Martín está atualmente na delegacia de Zanja. "Os policiais nos disseram que o estavam levando preso para ser informado das acusações contra ele e leitura de seus direitos”.

Esta detenção contribui para a longa história de repressão da Segurança do Estado castrista contra os jornalistas independentes. Prisões, proibições de saída e apreensões são ações comuns do regime contra o trabalho jornalístico independente na ilha.

Posteriormente, o jornalista foi liberado após pagar muta de 2000 pesos por “atividade econômica ilícita” e outra de 250 pesos por possuir um roteador... Ainda lhe confiscaram o material de trabalho: o computador pessoal, um laptop, câmera de vídeo, câmera fotográfica, três fones de ouvido, três microfones, um disco interno de 500 gigabytes, um roteador, uma antena de rede e documentos pessoai