Puggina.org by Percival PugginaConservadores e Liberais

PROTESTO!

por Percival Puggina. Artigo publicado em

 

O fato é que no RS, contra toda a razoabilidade, as autoridades impuseram um isolamento atendido pela população durante cerca de dois meses, criando terríveis embaraços para as atividades econômicas empresariais e individuais, derrubando a economia do Estado, queimando postos de trabalho e afetando a já deficitária receita do estado e de seus municípios.

Qual o motivo dessa paralização? Sob as determinações diárias altamente publicizadas do comandante Mandetta e Tedros Adhanon, seu oráculo de pasquim na Organização Mundial da Saúde, tratava-se de achatar a curva.
E quase tudo parou para que a maldita curva fosse achatada, mesmo com os hospitais e consultórios daqui vazios em todos os setores, doentes em casa com medo da rua e de modo especial, medo dos hospitais. “E a curva?”, perguntará o leitor desta nota de indignação. Pois a curva era e continuou sendo, durante bom tempo, uma linha horizontal quase imperceptivelmente inclinada. Achataram uma linha reta!

Após, houve rápido abrandamento das restrições e, enfim, o vírus chegou, mandando todo mundo para dentro de casa enquanto infectologistas clamam por lockdown.

Quem indeniza os desnecessários danos causados a tantos naqueles meses iniciais? Onde estão disponíveis os medicamentos que salvariam vidas se usados preventivamente aos primeiros sintomas? Nem medicamentos nem testagem em massa e ninguém diz nada?