Mensagem Cristã

A VIGILÂNCIA CRISTÃ - Frei Giribone
www.obramissionaria.org.br
25/11/2008

“O que vos digo, digo a todos: Vigiai!”



O tema da vigilância aparece muitas vezes nos santos evangelhos. O que significa vigiar? É estar atento, pois algo pode acontecer e nos surpreender. Na estratégia militar o uso de vigilantes é fundamental para que o inimigo não consiga chegar ao seu objetivo. Na aplicação bíblica vemos várias vezes este verbo e nesta passagem do evangelho, a vigilância toma uma conotação mais forte. No caso que Jesus nos apresenta devemos estar vigilantes para a hora inesperada da chegada do patrão. Tudo o que temos nos é emprestado para fazermos o bem. Não somos proprietários de nada. Devemos utilizar todo o tempo necessário para praticarmos o bem neste curto espaço que temos em nossa vida.

A nossa existência é um constante “desafio administrativo” em relação ao amor imenso que Deus deposita em cada um de nós. Como criaturas d’Ele, d evemos nos esforçar o máximo para correspondermos ao que nos pede. Tudo é Graça. Nossa colaboração é necessária para concretizarmos o plano de Deus na história.

Estar preparado significa em primeiro lugar concretizar a vontade de Deus dentro da contradição da história. Como cristãos sempre seremos ridicularizados. Isto devido ao que vamos assumindo dos valores de Cristo que não se equipara com o que a sociedade valoriza. Assim como o azeite não se mistura com o vinagre. Os valores da sociedade não se misturam com os do Reino de Deus. Por esta razão a prática do amor, que é o grande ideal cristão sempre será um grande desafio.

Não podemos seguir a Cristo por medo do que nos possa acontecer. Devemos ter muita coragem de aceitar seu plano de amor e justiça. Seguimos a Cristo porque queremos sua proposta de verd adeira realização que se difere das alegrias momentâneas que o mundo se alimenta. A fonte da verdadeira alegria está na descoberta da vontade de Deus e de nossa capacidade de concretizá-la em nossa vida.

Jesus é o nosso salvador e amigo, sua proposta sempre nos trará mais felicidade do que o imediatismo oferecido pelo individualismo contemporâneo. Estar vigiando, é estar atento aos sinais dos tempos. Perceber que o mundo está voltado para as relações comerciais acima das relações afetivas. Jesus veio nos ensinar o amor que vai libertando o homem em sua totalidade. O batismo que recebemos é um processo de amorização de nossas vidas.

O mal só poderá ser combatido pelo amor. Hoje encontramos muitos sinais de morte que nos assustam tremendamente. Muitos seres humanos estão sendo impedidos de nascer e outros morr em em conseqüência da fome e da miséria. A guerra é promovida para alguns terem riquezas particulares. Há um grande número de dependentes químicos que estão nas fileiras da morte. Tudo isto só poderá ser transformado pela prática do amor que os cristãos deverão efetivar na realidade.

Devemos estar preparados na utilização de todos os meios para praticarmos o bem acima de tudo. Em todas as áreas de nossa vida devemos estar colocando os valores de Cristo para transformarmos este mundo. Sermos, através de nosso testemunho, um sinal de salvação para toda a humanidade.



“Senhor Jesus, olhai para cada um de nós a fim de que não nos desviemos do caminho do bem”.

Footbar